Saúde Física Dr Gabriel Azzini

Segredos para aumentar a vitamina D naturalmente

vitamina D

A vitamina D oferece muitos benefícios, bem como sua carência pode trazer inúmeros problemas ao corpo humano.  Mas, apesar de sua importância, esta é uma das vitaminas em que a população mundial mais tem deficiência.

Comumente, as pessoas aprendem na escola que a vitamina D está relacionada apenas ao osso (e problemas como osteoporose, raquitismo, etc.), mas os conceitos sobre essa vitamina mudaram muito ao longo dos anos.

Os principais sintomas da baixa de vitamina D:

  • Baixa imunidade

Uma pessoa que fica resfriada todo ano, tem diarreia, apresenta problema de candida, pode ter deficiência de vitamina D e essa pode ser a causa de sua baixa imunidade.

  •  Problemas emocionais

Depressão, oscilações de humor, ansiedade e outros tipos de problemas emocionais também podem indicar baixa incidência de vitamina D no corpo.

  •  Problemas hormonais

Deficiência de testosterona, desregulações hormonais, dificuldade de produzir hormônios anabólicos, dificuldade de ganhar massa muscular são indícios de baixa vitamina D, até porque ela não é mais tida apenas como uma vitamina, mas como um pró-hormônio participante de inúmeras reações químicas, inúmeras produções hormonais, então, sem a base, que é a vitamina D, não há a produção de outros hormônios.

  •  Osteoporose/osteopenia

Essas doenças e problemas dentários podem estar relacionados à deficiência de vitamina D.

*Além dos problemas mencionados acima, há outros apontados por diversos estudos causados pela deficiência de vitamina D, como câncer, doenças cardiovasculares e diabetes.

As causas da baixa de vitamina D:

  • Sol: 

A falta de Sol é a principal causa. Sendo ele a principal fonte de vitamina D, é necessária uma exposição de 15 a 30 minutos, dependendo da cor da pele, e 90% da pele exposta. E, apesar dos protestos dos dermatologistas, o ideal é o Sol das 12 horas (meio-dia).

É preciso, também, evitar o uso de sabonete na pele até 4 horas após essa exposição, pois o nosso corpo ainda estará absorvendo a Vitamina D. Observa-se que as pessoas, a cada dia, vivem mais em ambientes enclausurados, por isso não tem muito contato com o Sol como deveriam.

  •  Plásticos

O plástico é um derivado do petróleo que tem uma substância chamada BPA (Bisfenol A) que impede a absorção da Vitamina D. Então, quando se ingere líquidos armazenados em garrafas plásticas e essas garrafas ficaram expostas à altas e/ou baixas temperaturas, atrapalha-se a absorção de Vitamina D.

  •  Tóxicos

A Vitamina D passa da pele para o fígado – principal produtor de Vitamina D do organismo -onde é produzida, mas se esse fígado estiver intoxicado por diversos elementos químicos, essa produção é dificultada.

Como aumentar a vitamina D naturalmente :

  • Exposição solar 

É necessário pegar um pouco de sol mesmo que o dia esteja nublado e mesmo que as pessoas estejam em uma cidade grande.

  • Alimentos ricos em Vitamina D

São menos imprescindíveis e ricos que o Sol, mas ainda sim são muito importantes: salmão, ovos, cogumelos, dentre outros alimentos com certos níveis de Vitamina D.

  •  Suplementos 

Os suplementos são outra forma de recuperar os níveis de Vitamina D, podendo ser usados de maneira injetável, mensal, semanal, trimestral; em forma de cápsula, sempre lembrando que deve ser usada a Vitamina D3 (colecalciferol), não a D2.

A vitamina D é lipossolúvel, então é indicado ingeri-la na forma de suplemento junto com outras gorduras boas, como abacate, azeite extravirgem, manteiga, óleo de coco, a fim de otimizar a sua absorção.

Agora que você já sabe como aumentar a vitamina D do seu corpo modificando seus hábitos, assim como a exposição solar e  o consumo de alimentos, eu te convido a conhecer o nosso curso completo: Fórmula do Homem Super Saudável.

O Fórmula do Homem Super Saudável é o único curso criado exclusivamente para homens, que te ajuda a recuperar a energia e vitalidade que você tinha aos 20 anos, mesmo que você não saiba nada sobre saúde.

A ideia principal é entregar um material simples e prático, de forma que você entenda com toda clareza possível informações sobre a sua saúde, mesmo sem nunca ter estudado nada dessa área.

No curso, você vai aprender e aplicar:

A Verdade sobre a Alimentação: quais os alimentos certos que você deve consumir para melhorar sua saúde (e que são mais baratos do que os “falsos saudáveis” mais anunciados nas mídias).

TESTOSTERONA: tudo que você precisa saber sobre esse hormônio para ter uma sensação de bem estar, maior capacidade de raciocínio e memória, e ainda diminuir os riscos de desenvolver diversas doenças.
O Poder do Sono: dicas práticas de como manter uma rotina saudável visando otimizar a produção do hormônio melatonina, para dormir melhor e acordar totalmente descansado no dia seguinte.

Exercícios que Funcionam: Você não precisa ficar horas na academia para perder peso ou ganhar massa muscular (na verdade você pode ficar esse tempo na academia e mesmo assim não ver resultados). Você vai aprender um tipo específico de exercício que não te tomará mais do que 10 minutos ao dia e você tem a liberdade de fazer em casa, sem precisar de qualquer equipamento. E que irá te ajudar a emagrecer, pois você estará queimando gordura até 48h após finalizar o treino!

Controlando o Estresse: O estresse causa uma série de desequilíbrios no nosso organismo, causando inclusive uma diminuição na produção de testosterona.
Com as técnicas certas você saberá como lidar com estresse, e assim usá-las no seu dia a dia para melhorar a sua qualidade de vida.

E muito, muito mais…

Clique aqui para saber mais sobre o curso Fórmula do Homem Super Saudável

E aí, gostou do artigo? Deixe aqui seu comentário!

Sobre o autor | Website

Dr. Gabriel Azzini é formado pela Faculdade de Medicina do Estado do Rio de Janeiro, especializado em Ortopedia e pós graduado em Medicina do Esporte, Nutriendocrinologia Funcional e Membro da American Academy of Anti Aging Medicine.